Instituto Pensar - Escola de Técnicas de Economia Criativa

Escola de Técnicas de Economia Criativa

Município ganha Escola de Técnicas de Economia Criativa

Espaço de ensino inovador que promoverá o desenvolvimento criativo de jovens acima de 16 anos desempregados, garantindo preparo profissional que acompanhe o avanço da tecnologia e as tendências de mercado. É a proposta da Escola de Técnicas de Economia Criativa (Etecri), inaugurada nesta quarta-feira (27) pelo Governo do Estado, em cerimônia que reuniu autoridades municipais, regionais e estaduais na Avenida Afonso Schmidt, 1.171, Castelo.

No prédio, onde eram realizados cursos do Programa Via Rápida Emprego, serão realizadas agora qualificações profissionais a cargo do Centro Estadual de Educação Tecnológica Paula Souza. As novas modalidades de cursos vão ao encontro do conceito de economia criativa: Práticas em Mídias Sociais, Técnicas de Web Design, Técnicas de Design de Moda, Vitrinista, Grafite, Recreacionista e Food Styling – Gastronomia.

Os interessados já podem se inscrever aqui , no ícone Etecri. Inscritos serão comunicados por carta ou e-mail sobre a data de início dos cursos, que devem começar na primeira quinzena de outubro. Com duração de três meses e carga horária entre 100 e 160 horas/aula, terão metodologia participativa por meio de dinâmicas de grupo, exposição, material didático e vídeo. Anualmente, será oferecido um total de 1.200 vagas.

“A juventude está acostumada com tecnologia. Uma pesquisa feita no Estado mostrou que a profissão que os jovens mais pedem está ligada àquilo com que eles gostam de trabalhar, como redes sociais, games, design, moda, gastronomia. E essa foi a ideia das Etecris. São cursos rápidos, substituindo a modalidade anterior por uma mais moderna e atual”, afirmou o vice-governador Márcio França, também secretário de Desenvolvimento Econômico, Ciência, Tecnologia e Inovação.

Além de Santos, a experiência será realizada em São Vicente, São Bernardo do Campo, Campinas e Presidente Prudente. Cada instalação, que teve investimento de R$ 984 mil, conta com laboratório de informática, laboratório multifuncional e salas de aula. Também tem apoio do Investe São Paulo.

Fotos: Isabela Carrari 



0 Comentário:


Nome: Em:
Mensagem: